Date:   Março 17, 2013

Entrevista com o sociólogo e doutor em Educação Almerindo Janela Afonso, professor da Universidade do Minho, em Portugal. Nessa entrevista, realizada durante a 18º Feira Educar/Educador, em São Paulo, o educador criticou o sistema seletivo brasileiro e o comparou com outros processos avaliativos similares em Portugal.

Publicação dia 04/06/2010

Estamos passando por um processo de obsessão avaliativa ou “avaliocracia”, como prefere chamar o sociólogo e doutor em Educação Almerindo Janela Afonso, professor da Universidade do Minho, em Portugal. Estudioso do assunto, Afonso critica a tendência crescente de tudo avaliar e quantificar. Nessa entrevista, realizada durante a Feira Educar/Educador, em São Paulo, o educador criticou o sistema seletivo brasileiro e o comparou com outros processos avaliativos similares em Portugal.

Leia entrevista completa no site da Gazeta do Povo

A obsessão pela avaliação (PDF)